Quinta-feira, 26 de Fevereiro de 2015

Um pensamento meu

Quando uma mágoa se habitua a nós, chega um momento que já é parte do nosso ser. Passa a ser a nossa companhia e já não vivemos sem ela, porque nos faz lembrar um grande sonho que ficou por acordar.

publicado por Ana Cristina Gomes às 09:37

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quarta-feira, 25 de Fevereiro de 2015

Um pensamento meu

Quando esperar se torna a espera da vida, resta-nos esperar que essa espera não nos canse. Quando esperar é uma parte de nós, é a espera que nos acompanha na estrada pela qual caminhamos. Esperar não é parar, esperar é continuar, nem que seja continuar a esperar algo.

publicado por Ana Cristina Gomes às 22:39

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Segunda-feira, 23 de Fevereiro de 2015

Um pensamento meu

Às vezes gostaria de ser quem não sou! Gostaria de ser alguém como tu gostarias que eu fosse para não te perder. Perder-te é doloroso. Mas nunca poderia passar pela dor de me perder de mim mesma!

publicado por Ana Cristina Gomes às 13:48

link do post | comentar | favorito
|

Um pensamento meu

Muitas vezes não mudamos porque simplesmente queremos mudar! Muitas vezes somos obrigados a mudar porque a vida a isso nos obriga!

publicado por Ana Cristina Gomes às 09:56

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 20 de Fevereiro de 2015

Um pensamento meu

Só tem poder sobre ti, não quem quer, mas sim a quem atribuis esse poder. Cuidado a quem atribuís esse poder! Pode não tornar-te forte, mas sim enfraquecer-te! O poder em ti só tu podes decidir quem o pode ter! Mas não te esqueças que a primeira pessoa a ser dona desse poder tens de ser tu!

publicado por Ana Cristina Gomes às 20:39

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quinta-feira, 19 de Fevereiro de 2015

Gosto!

Gosto de paz e tranquilidade, não gosto de confusões. Gosto do silêncio, não gosto de barulho. Gosto da natureza, gosto da liberdade, não gosto de me sentir fechada. Gosto do sol, não gosto da chuva. Gosto do verão, não gosto do inverno. Gosto do mar, mas não gosto quando ocupamos o seu território. Gosto de acordar cedo e sentir a brisa marinha, não gosto de noitadas e bebedeiras. Gosto de pássaros, mas não gosto de insetos. Gosto de concertos, não gosto de marchas populares. Gosto de bibliotecas, não gosto de discotecas. Gosto de poesia, mas não gosto de rimas. Gosto de livros, mas não gosto de ler em tablets. Gosto de escrever, não gosto de pintar. Gosto de fotografia, não gosto de desenhar. Gosto de astrologia e reiki, não gosto de matemática. Gosto de moda, mas não gosto de exageros. Gosto da beleza natural, não gosto de barbies. Gosto de organizar missões empresariais, não gosto de atender telefones. Gosto de balance, zumba e body combat, não gosto de exercício nas máquinas. Gosto de ser voluntária, mas não gosto de ver os sem-abrigo espalhados por esta cidade. Gosto das amizades verdadeiras, não gosto dos interesses. Gosto da sinceridade e honestidade, não gosto da falsidade e intrigas. Assim, com os gostos e não gostos, sou eu na minha perfeita imperfeição. Só ou acompanhada assim serei. Deixarei de gostar por mim, passarei a gostar por mim. A última palavra é sempre nossa. Gosto de ser eu como sou. Sou como sou e não como os outros querem que eu seja.

publicado por Ana Cristina Gomes às 21:10

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 17 de Fevereiro de 2015

Carnaval

No dia de hoje,

Carnaval segundo o calendário

Dia de disfarces

Dia de sonhos

Dia de fantasias

Vivemos o dia numa realidade imaginária.

Colocamos um sorriso

Para esconder a mágoa,

Rimos alto

Para abafar o som das lágrimas.

Pintamos a estrada de cor-de-rosa

Para apagar o cinzento do caminho.

Vestimo-nos de princesas

Para voltar à inocência de criança

Quando acreditamos que os príncipes existem

Que os contos de fada são reais

E que o viveram felizes para sempre não é apenas o desfecho de um filme.

Por um dia,

O dia de Carnaval,

Acreditamos,

Sorrimos,

Vivemos o sonho da realidade….

Até voltarmos a acordar…..

publicado por Ana Cristina Gomes às 20:42

link do post | comentar | favorito
|

Um poema meu

A janela corre os seus cortinados

Pintando o espaço em tons de preto.

A porta fecha-se

Deixando-me prisioneira na escuridão.

Qualquer luz é utopia

Apenas a dor que vive nas trevas

Está comigo.

As paredes cercam-me

Não me deixando respirar.

O negrume deste lugar onde me encontro

Torna os meus sentidos cegos

Nada me deixa ver.

Sinto-me desfalecer

Sem luz ou ar.

Ajoelho-me

Abraço-me ao silêncio que embala o meu sono.

Sei que algures lá fora

Existe a claridade dos sonhos

Que outrora foram luz e paixão

Hoje nada mais são que desilusão.

A vida corre sem ter tempo para parar

Aqui continuo presa a senti-la escorregar por entre os dedos

Sem a conseguir prender a mim.

A força para fugir desta solidão

Abandona-me.

Arrasto-me sem forças

A saída desta prisão permanece escondida

Tento descobrir a fresta de luz por onde posso escapar

Mas nada encontro.

Sento-me na paciência de quem já nada perde

Procuro.

Espero.

Tento e não desisto.

Volto a esperar.

Um dia a encontrarei.

E por um único momento verei a verdadeira luz

Ao respirar a liberdade de ser livre.

Nesse único minuto

Esquecerei toda a vida vivida na cegueira de uma escuridão

Que um dia me roubou a alegria de viver.

Nesse único segundo

Esquecerei a vida na solidão dos sonhos da felicidade

Que um dia morreram cansados de esperar.

publicado por Ana Cristina Gomes às 11:34

link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 15 de Fevereiro de 2015

Um pensamento meu

Cada vez mais as pessoas têm medo de se conhecerem a si mesmas. Têm medo de mergulharem no seu interior, navegar à profundidade do seu ser, conhecer os medos, as mágoas, os desejos e os sonhos. Têm medo de se encontrarem, porque conhecer-se a si própria é mais trabalhoso emocionalmente do que conhecer o outro. Por isso preferem viver à superfície do seu espírito, vivendo na real ilusão de que se conhecem. Uma viagem ao nosso interior é intensiva e intensa. Leva-nos a encontrar o que não queremos e a trabalhar com emoções que não desejamos. É tão mais fácil viver na superficialidade do que somos. Mas assim nunca irão conhecer a verdadeira essência do que vive dentro de si.

publicado por Ana Cristina Gomes às 22:24

link do post | comentar | favorito
|

Um pensamento meu

Ser espiritual não é saber muito. Ser espiritual é saber viver cada pequeno momento com sabedoria.

publicado por Ana Cristina Gomes às 22:12

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
26
27
28
29
30

.posts recentes

. A frase mágica do dia

. A frase mágica do dia

. A frase mágica do dia

. Olá outono,

. A frase mágica do dia

. A frase mágica do dia

. Um pensamento meu

. A frase mágica do dia

. A frase mágica do dia

. A frase mágica do dia

.arquivos

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

.tags

. todas as tags

.favorito

. Será pedir muito?

blogs SAPO

.subscrever feeds