Quarta-feira, 9 de Setembro de 2015

Um poema meu

Um ano que passou
Um ano que foi veio e foi
Assim como o sopro do nada que trouxe no vento.
Um ano que foi e já não o é
Deixa a recordação de mais um ano de alma vazia
No desalento que o tempo corre e não se perdoa a si mesmo.
Mais um ano que se avizinha
Que chega na velocidade de um bater de relógio ansioso
Pelo tempo de ser.
Mais um ano que chega
Na solidão das lágrimas no correr do ponteiro.
Apenas mais um ano
Que chega e irá embora
Que traz e leva o mesmo sonho
Que perde a força com este tempo que anda
Sem parar para me deixar ser feliz.
Um ano que foi
Um ano que virá
Igual ao que foi
Igual ao que será
Com as palavras que se repetem
Que se escrevem
Ano após ano
Na vida do poeta
Que não mais deseja viver a vida
No sonho e nas palavras.
Um ano que passou
Um ano que chegou
E nada mudou.

publicado por Ana Cristina Gomes às 22:27

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. A frase mágica do dia

. A frase mágica do dia

. Férias….Praia….Mar….e a p...

. A frase mágica do dia

. Um pensamento meu

. A frase mágica do dia

. A frase mágica do dia

. Julia Navarro "Dispara, e...

. Um pensamento meu

. A frase mágica do dia

.arquivos

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

.tags

. todas as tags

.favorito

. Será pedir muito?

blogs SAPO

.subscrever feeds